Sexta, 12 de Julho de 2024
21°

Tempo nublado

Rio de Janeiro, RJ

Polícia Criminoso em liberda

Vigia é morto a facadas no Rio Comprido e suspeito é preso na estação de metrô do Estácio

Crime teria sido motivado por cobrança de aluguel e taxas de reparo

08/07/2024 às 21h10
Por: Elise Ventura
Compartilhe:
Reprodução da internet
Reprodução da internet

Um homem foi preso nesta segunda-feira (8) por agentes da Delegacia de Descoberta de Paradeiros (DDPA) do Rio de Janeiro, suspeito de ter matado a facadas o vigia Alcy Ferreira Pompeu, de 68 anos. O crime teria acontecido no fim de junho, em um imóvel no Rio Comprido, na Zona Norte, onde a vítima era inquilino do suspeito.

Investigações e prisão do suspeito

O corpo de Alcy foi encontrado dias depois no canal da Avenida Francisco Bicalho, também na Zona Norte. A identificação do cadáver foi possível após confronto papiloscópico.

O suspeito foi preso na estação de metrô do Estácio, onde trabalhava em uma barraca de doces. Segundo a DDPA, outras pessoas teriam participado do assassinato de Alcy e depois retirado os pertences de valor do imóvel dele.

Continua após a publicidade

Motivação do crime e histórico do suspeito

De acordo com a Polícia Civil, o suspeito, que é ex-presidiário e tem extensa ficha criminal por tráfico de drogas, roubo e homicídio, cobrava o aluguel e taxas dos moradores que ocupavam o seu imóvel. Segundo as investigações, as taxas seriam para pagar por reparos no local.

Em um dos conflitos entre a vítima e o suspeito, Alcy foi considerado um inimigo do acusado.

O caso segue em investigação

Continua após a publicidade

O inquérito do caso foi desmembrado pela DDPA para prosseguimento das investigações, que visam identificar e prender os outros envolvidos no crime.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários