Quarta, 24 de Julho de 2024
18°

Neblina

Rio de Janeiro, RJ

Polícia Violência sexual

Motorista de aplicativo suspeito de estuprar passageira em Niterói é preso após vítima engravidar

Mulher foi abusada sexualmente após corrida em novembro do ano passado e descobriu gravidez em dezembro.

08/07/2024 às 11h55
Por: Elise Ventura
Compartilhe:

Um motorista de aplicativo de 39 anos foi preso no último sábado (6) suspeito de estuprar uma passageira, de 38 anos, após uma corrida em novembro do ano passado em Niterói, na Região Metropolitana do Rio. A vítima acabou engravidando do homem.

O crime aconteceu na madrugada de 9 de novembro, quando a mulher pegou uma corrida com uma amiga após uma festa na Cantareira em Niterói. No meio do caminho, a amiga desceu do carro e a vítima seguiu viagem com o motorista.

Segundo a investigação da 76ª DP (Niterói), a vítima, que estava bêbada, teve dificuldades para realizar o pagamento da corrida pelo aplicativo do banco ao chegar em casa. Nesse momento, o motorista teria dito: "Se você não tem dinheiro para pagar, você vai pagar de outra forma".

Em seguida, o homem a teria obrigado a passar para o banco da frente do carro, retirou seu short e a estuprou. A vítima relatou que, após o crime, o motorista a ajudou a descer do veículo e foi embora sem finalizar a corrida, o que só fez em sua casa, no bairro São Lourenço, em Niterói.

Continua após a publicidade

Ainda de acordo com a vítima, após o crime, ela ficou abalada e sem acreditar no que havia acontecido. Ela procurou um médico para tomar um coquetel anti-Aids e a pílula do dia seguinte, além de registrar um boletim de ocorrência.

Em dezembro de 2023, a vítima percebeu mudanças em seu corpo e, ao realizar um exame, descobriu que estava grávida. Ela então procurou o Hospital Maternidade Fernando Magalhães, em São Cristóvão, na Zona Norte do Rio, e conseguiu realizar um aborto legal.

Com base nas investigações, a polícia conseguiu identificar e solicitar a prisão do suspeito. O mandado de prisão preventiva foi expedido na última sexta-feira (5) pela juíza Juliana Grillo El-Jaick, da 4ª Vara Criminal de Niterói.

No sábado, agentes do Programa Segurança Presente de Niterói prenderam o homem no bairro de Neves, em São Gonçalo, após receberem uma denúncia anônima. O suspeito foi levado para a 73ª DP (Neves).

Continua após a publicidade

O motorista de aplicativo passará por uma audiência de custódia nesta segunda-feira (8). Ele responde por estupro de vulnerável, já que a vítima estava bêbada e sem condições de se defender.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários