Sexta, 12 de Julho de 2024
22°

Neblina

Rio de Janeiro, RJ

Política INSS

Governo fará pente-fino em benefícios previdenciários temporários a partir de agosto, anuncia ministro

A última revisão desse tipo aconteceu em 2019, e a meta é verificar a validade dos benefícios mais antigos.

05/07/2024 às 13h52 Atualizada em 05/07/2024 às 14h10
Por: Elise Ventura
Compartilhe:
Redação ND1
Redação ND1

O ministro da Previdência Social, Carlos Lupi, informou nesta sexta-feira (5) que o governo realizará uma revisão nos benefícios previdenciários temporários, como o auxílio-doença, a partir de agosto deste ano. A última revisão desse tipo aconteceu em 2019, e a meta é verificar a validade dos benefícios mais antigos.

Com mais de 1,36 milhão de benefícios temporários em vigor em maio deste ano, o governo pretende realizar novas perícias em cerca de 800 mil pessoas para confirmar a continuidade do benefício. O processo será gradativo e algumas análises serão feitas apenas com o cruzamento de dados cadastrais, sem necessidade de perícia presencial.

A iniciativa visa abrir espaço no orçamento para os gastos públicos e atender à nova regra fiscal do governo. Casos de possíveis irregularidades serão analisados e corrigidos para coibir ações inescrupulosas.

Ministro da Fazenda, Fernando Haddad, e Tebet também atuarão na revisão dos gastos públicos para adequar-se aos limites do arcabouço fiscal e reduzir os bloqueios de gastos públicos anunciados recentemente. A revisão dos benefícios temporários se soma a outras ações de revisão de cadastro realizadas nos últimos meses pelo governo.

Continua após a publicidade
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários