Sexta, 12 de Julho de 2024
22°

Neblina

Rio de Janeiro, RJ

RJ Notícias Confronto

Confronto entre milicianos deixa moradores de Queimados na linha de tiro 

Imagens impressionantes da guerra entre grupos criminosos na Baixada Fluminense

21/06/2024 às 21h00
Por: Elise Ventura
Compartilhe:
Redação ND1
Redação ND1

Um confronto envolvendo dois grupos de milicianos provocou uma cena de intenso tiroteio no município de Queimados, na Baixada Fluminense, na manhã desta sexta-feira (21). Segundo as autoridades de segurança, a disputa territorial no município foi o motivo para o confronto que deixou moradores da cidade na linha de tiro dos criminosos.

As imagens dessa guerra em Queimados mostram como a população virou refém de milicianos e traficantes na região.

Nas imagens, é possível ver quando um carro preto aparece na rua. Homens no veículo surgem atirando na direção de um carro prata, que tenta fugir. O carro para no meio da rua com as portas abertas.

Em seguida, um homem pula do banco do carona. Ele se arrasta pelo chão em direção à calçada. Logo depois, a porta de trás do carro é aberta. Ninguém desce e mais tiros são disparados. A rua parece deserta. O segundo ocupante do veículo sai e cai no chão da rua.

Continua após a publicidade

Nesse momento, um homem encapuzado, de colete e roupas pretas, atravessa a rua com dificuldade para andar. Ele passa direto pelo homem caído e some do outro lado da calçada.

Dá pra ver marcas de tiro no vidro traseiro do carro. Segundos depois, um veículo branco se aproxima, mas o motorista desiste de seguir viagem. Ele engata a marcha ré e volta.

Os tiros param e curiosos começam a aparecer na rua. Nas imagens, ainda é possível ver o homem caído, que não se mexe mais. Ele estava vestido com roupas pretas com identificação da polícia e com o rosto coberto.

A cena de guerra aconteceu em uma rua movimentada, com muitas lojas e perto de duas escolas. Era o caminho de trabalhadores e estudantes inocentes.

Continua após a publicidade
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários