Sábado, 22 de Junho de 2024
20°

Neblina

Rio de Janeiro, RJ

Justiça Processado

Homem que intimidou professora por citação de Felipe Neto em livro escolar vira réu por difamação e injúria

Sandro Vitorino da Silva tem prazo de 10 dias para garantir representação legal após confronto em escola de Nilópolis

28/05/2024 às 12h32
Por: Elise Ventura
Compartilhe:
Reprodução da internet
Reprodução da internet

A Justiça do Rio tornou réu por difamação e injúria um homem que intimidou uma professora por causa de uma atividade de um livro escolar que cita o youtuber e influenciador Felipe Neto. No vídeo, ele também xinga várias vezes o influenciador.

Sandro Vitorino da Silva tem até 10 dias para começar a ser representado por um advogado.

Sandro, no dia 6 de março, foi até a Escola Municipal Poeta Carlos Drummond de Andrade, em Nilópolis, na Baixada Fluminense, para confrontar os educadores do colégio por conta do material.

No vídeo, ele fazia xingamentos a Felipe Neto, o chamando de "vagabundo" e "marginal", que ensina sexo entre meninos, meninas, para as crianças”.

Continua após a publicidade

Por meio de nota, a Prefeitura de Nilópolis destacou que o poder público está indignado com a situação e com o desrespeito com a profissional, que é diretora-adjunta da instituição. O nome dela não foi divulgado.

“A SEMED se solidariza com a diretora-adjunta da Escola Municipal Poeta Carlos Drummond de Andrade, agredida verbalmente pelo cidadão que erroneamente gravou o vídeo sem sua autorização, e já disponibilizou toda assistência que esta necessitar”, afirma um trecho do texto.

A prefeitura da cidade afirmou ainda que o material que é distribuído para os estudantes é confeccionado pela equipe da Secretaria Municipal de Educação, formada por professores efetivos do município, a partir da Base Nacional Comum Curricular (BNCC), documento do Ministério da Educação (MEC) que define quais são os conhecimentos que os estudantes devem aprender em cada nível educacional.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários